Posts Tagged ‘17 de Junho 1953’

O que aconteceu em 17 de junho?

Terça-feira, Junho 18th, 2013

"Wer die Vergangenheit nicht kennt, wird die Gegenwart nicht verstehen"/ "Quem não conhece o passado, não entende o presente".

ontem e em 1953?

Ontem, eu particularmente, vivi duas grandes aventuras:

  • Fui para Koblenz depois de ter recebido uma carta me avisando que deveria resgatar alguns livros que Claudia, a meu pedido, me enviou de Itajubá e nós inocentemente pensávamos que eu os receberia sãos e salvos aqui na porta de casa. Nada é tão fácil quanto às vezes nos parece. Lá fui para uma instituiςão chamada Zollamt – só o nome me causou medo e me lembrou muita burocracia e multas. Bem, de multas ainda estou livre, mas de burocracia infelizmente não. Assim meus livros lá ficaram de novo trancafiados em uma caixinha de papelão toda envolta em fitas adesivas onde se lê “Zollamt” em cada centímetro delas. Me sinto frustrada hoje depois de buscar uma soluςão para o meu problema com a aduaneira – sem grandes perspectivas de sucesso.
  • Agora o segundo evento me enviou os céus para contrabalanςar o insucesso da minha conversa com o fiscal sem uniforme e sem perdão. Eu pude assistir da minha sacada o pôr do sol e como se não bastasse este espetáculo divino, um bando de andorinhas executou uma coregrafia bem na altura dos meus olhos. Elas danςaram longos minutos em todas as direςões e todos os passos só prá mim.

Agora, sobre o 17 de junho de 1953?

Ontem fomos lembrados sobre este dia porque Ele tem um peso histórico bastante considerável no contexto Alemão. Há 60 anos multidões de cidadãos do leste saíram às ruas para protestar contra as condições precárias e injustas de trabalho, as quais lhes foram impostas com a ocupaςão soviética naquela parte do país com o fim da Segunda Guerra Mundial. Segundo as autoridades, Eles deveriam trabalhar ainda mais, porém sem receber qualquer aumento de salário. Considerando que a maioria dos cidadãos  já não estava nada satisfeita, pois mesmo após oito anos do fim oficial da Guerra Eles ainda necessitavam apresentar seus “Cartões alimentícios”/Lebensmitellkarten para tentarem reabastecer suas dispensas vazias e muitos produtos não estavam disponíveis para compra em toda a Alemanha Oriental – este  fato foi a gota d’água para a organização de um grande movimento contra as autoridades e o sistema sócio-econômico e político que vigorava no leste da Alemanha. No entanto, quando as pessoas protestavam inocentemente contra as injustiςas sociais que sofriam, foram surpreendidas por tanques de guerra.

Neste dia muitos tiros ecoaram entre as ruas de grandes cidades do leste, alguns cidadãos pagaram com suas vidas o preço da rebeldia, muitos foram para diferentes prisões. Neste dia ficou claro que manifestaςões populares contra o regime estavam expressamente proibidas.

Curiosamente o dia 17 de junho até a reunificação do país era considerado feriado na Alemanha Ocidental em homenagem ao ato de coragem dos manifestantes que ousaram desafiar a ditadura socialista.

Para implementar suas informações: uma indicação muito pessoal – O Paraíso sem Bananas

Beijos e linda semana!