Artikel-Schlagworte: „Mudanças estruturais“

Brasil mostrando a sua cara

Mittwoch, 30. Mai 2018

Mesmo que quisesse me alienar, já que estou a 10.000 kms de distância física do Brasil, eu não poderia! Através dos meios de comunicação paralelos é interessante manter-se informada, bisbilhotar e de alguma forma  participar deste  momento econômico, político e social tão importante na História do nosso país!

Acompanhei também o movimento „Fora Dilma“ e me perguntava o porque a parcela da população que promovia este momento acreditava que os problemas do país como que um „milagre“ – apenas trocando os atores – seriam resolvidos. Eu tenho o privilégio de poder observar tudo de fora do país, mas ao mesmo tempo sinto um certo peso na consciência por não estar sofrendo com o caos instalado no país que amo tanto! Por circunstâncias da vida e não para fugir dos problemas  estou vivendo fora do Brasil desde 2000, até porque acredito que o „paraíso“ não se encontra neste planeta. Em qualquer lugar que se esteja a luta diária de pessoas honestas, socialmente e ecológicamente comprometidas é árdua!

A paralização dos caminhoneiros no âmbito nacional está expondo abertamente as feridas do povo brasileiro e afetando a comodidade das classes privilegiadas. O momento atual é muito interessante e positivo. Percebo as pessoas se conscientizando dos seus direitos e falando abertamente sobre as suas prioridades, independentemente de partidos ou ideologias. Infelizmente muitos ainda acreditam em „milagres“ e agora pregam  a substituição de „Temer e sua equipe administrativa“ pelos militares. Ainda não entenderam que simplesmente „trocar personagens“ não abala a estrutura decadente de 518 anos. As pessoas que clamam por intervenção militar  não conhecem o significado de expressōes como Socialismo e Comunismo. Suas convicções refletem a ignorância de uma parcela  da população vítima do sistema carrasco que se instalou no país desde a chegada dos portugueses no Brasil. Um sistema que sempre privilegiou àqueles que têm acesso à Educação e à informação  de qualidade.

O processo de mudança estrutural é lento e doloroso, mas necessário! Sob a minha ótica pessoal, o povo já pagou esta conta! É hora da classe política e da economicamente privilegiada pagarem as parcelas que os tocam!

 

Beijos com carinho!

Share This: