“Macho-Welt” – mundo macho

Aqui as três “meninas” da casa, brincando juntas em hormonia com a neve e o mau tempo, esquecidas por algum tempo de toda e qualquer contradicao existente no mundo. Uma das grandes contradicoes que me perturba bastante é a concorrência entre homens e mulheres, a qual nunca levei realmente a sério nos meus tempos de Brasil, porém praticamente desde que cheguei aqui observo, ouco e sinto que homens e mulheres se colocam com muita frequência em oposicao. Algo que considero absolutamente estúpido, já que homens e mulheres existem para se completarem e nao para competirem… uma competicao meio que saudável tudo bem, afinal precisamos de desafios para a superacao de certos limites, mas por favor nada de extremismo!

Hoje lendo o Rhein-Zeitung me deparei com uma reportagem que de certa forma veio a calhar com as minhas divagacoes matutinas: “Sterne-Köchin in einer Macho-welt” (cozinheira com estrelas num mundo machista). A reportagem é sobre uma  francesa que depois de percorrer um árduo caminho se impôs como chefe de cozinha em um restaurante 3 estrelas de muita tradicao, que herdou do pai.

Eu fiquei pasma ao ler que em todo o mundo existem apenas seis mulheres entre setenta e um homens com 3 “Michelin” – estrelas. Nao é uma contradicao que os homens dominem um território tipicamente feminino?

Eu por minha parte estou me sentindo muito emancipada por estar podendo escrever aqui os meus textos e incluindo eu mesma fotos que faco e seleciono… uma conquista minha dos últimos tempos já que antes o computador era uma ferramenta muita estranha para mim. Infelizmente esta concepcao que a sociedade alema prega de que mulheres têm que ser totalmente independentes dos homens, para mim sempre pareceu um pouco “avessa”. Eu cresci conformada com a idéia de que os homens dominam certas áreas e as mulheres outras. No entanto, sinto cada vez mais uma inquietacao dentro de mim que me impulsiona à “libertacao”. Ainda nao quero fazer todo e qualquer servico, como as alemas que com muito orgulho fazem ” tudo” sozinhas para se mostrarem “independentes”, mas quero muito sim poder uma vez mais sentir-me livre para tomar todas as decisoes que considerar coerentes com os meus princípios e sentimentos. Acho que aí está o valor da “independência”, ter o direito aberto e incontestável à opinar e decidir. Direito este que na minha opiniao nao pertence só aos homens, mas à nós mulheres também. Nao sei porque o mundo continua tao machista, mesmo a revolucao femina ter comecado a mais de 40 anos atrás… e o pior… nós mulheres (ou pelo menos a maioria) permitimos que os homens usem a revolucao feminina em causa própria! Ah… vale a verdade?

Beijos.

Tags: , ,

One Response to ““Macho-Welt” – mundo macho”

  1. Dewey diz:

    Great goods from you, man. I’ve have in mind your stuff prior to and you’re just too excellent.
    I actually like what you have acquired here, really like
    what you are stating and the best way by which you are saying it.
    You are making it entertaining and you still care for
    to keep it wise. I cant wait to read much more from you. That is really
    a tremendous website.

Leave a Reply

*