Posts Tagged ‘Procura-se’

Inconformismo

Domingo, Outubro 17th, 2010

"... me diz porque o céu é azul, me explica a grande fúria do mundo..."

Uma palavra que tem em suas raízes diferentes significados. Agora é domingo a noite. Minhas filhas estao ocupadas com um programa de televisao que as diverte e meu marido concentrado na nossa declaracao de impostos, penso eu.

Eu estou muito feliz por poder escrever, já que amo as palavras. Hoje vou escrever algo tao pessoal como nunca. Estive lendo jornais, porém nehuma notícia sobre o que circula nas manchetes ou em outros cadernos me inspirou a escrever um post. Eu li bastante… sério! Lí notícias sobre o Haiti, sobre o islamismo, integracao, sobre o que e como  as criancas alemas brincavam antes da Guerra, as difuldades dos anos de guerra,  sobre depressao, sobre acontecimentos na regiao Hunsrück, sobre a atual economia alema, etc… etc. Eu nao fui capaz, no entanto, de abrir o meu lap top para escrever uma linha.

Mas agora preciso escrever sobre o inconformismo que sinto! Depois do nascimento do meu terceiro bebê busco preencher o vazio que o seu parto me produziu. Na tentativa de engravidar pela quarta vez, ou seja, escrever um segundo livro, o que representa para mim um desafio “quase sobrehumano”, busco as ferramentas mais competentes e a inspiracao das entranhas. Tenho que ser mulher o bastante para admitir que comecar a colocar no papel o meu segundo projeto é a uma questao de vida ou de conformidade…

O que chamo de conformidade é fazer o que sei que posso fazer, como hoje. Organizei muito bem o apartamento, fiz um ótimo almoco  para minha família. Cuidei das plantas, tirei objetos do jardim que nao sao resistentes o bastante para superar mais um inverno, costurei, relembrei pontos de crochê e no comeco da noite eu estava cansada por nao fazer nada…

Eu estava tentando me manter conformada, pensando no que eu tenho e tentando esquecer aquilo que eu nao tenho. Posso afirmar que nao quero muito, já sei que “muito” quase sempre representa “nada”. Eu só gostaria muito  de entender a paz das estrelas, a imensidao do universo, o mistério da lua, o brilho do sol, o verde da grama, o colorido das flores, os sentimentos das pessoas, o significado da palavra paz. Talvez eu esteja querendo demais… ou nao?

Beijos.

Procura-se:

Quarta-feira, Junho 9th, 2010

Esperar, também é um verbo bom para se conjugar

Quanta angústia, desespero e solidao podem esconder-se por detrás deste anúncio. Nao se sabe, nao se pode prever, nao se pode medir…

Procurar é um verbo que,  penso eu, nós nao só conjugamos como vivenciamos ao longo de toda a nossa vida. Ele está impregnado em nós.

Procuramos o conforto físico, procuramos o conforto psicológico, espiritual, financeiro e sei lá mais qual. E provavelmente quando teremos todos os confortos imagináveis, estaremos ainda, desesperamente, procurando algo mais… acho que este é o nosso destino… procurar…

Agora escrevo com a alma marcada porque  hoje descobri que o que eu procurava e sonhei que talvez havia encontrado foi apenas uma ilusao… nao, nao, eu nao encontrei.

Encontrei sim foi motivacao para buscar outros desafios…

Encontrei sim foi a vontade de compartilhar com pessoas especiais uma letra de música, muito linda, que Heriberto um dia desses escreveu e me concedeu o privilégio de conhecê-la e publicá-la aqui.

Procura-se alguém

Eu quero ter alguém

que saiba se entregar como ninguém

que encha o meu mundo de brinquedos

e me enlouqueca tao só, com a ponta dos dedos


Alguém, que seja o meu único objetivo na terra

que saiba acalmar os sonhos inquietos de quem erra

e  me proponha em pequenos truques sutis

um jeito amigo para me fazer feliz


Que esse alguém me banhe do suor

que se entregue totalmente e me faca melhor

que me deixe deslizar pelo seu corpo implume

fazendo dessas loucuras, um costume


Eu quero ter alguém de olhar sedutor

que, quando pela noite, depois do amor

ao me contar o resumo do seu dia-a- dia

saiba misturar verdade e fantasia.


Heriberto Noppeney