Totalmente demais!

Comemorar é necessário!

Nao sei já há quantos anos eu ouvi uma música, cujo título eu nao sei mais. Quem cantava ou ainda canta… nao tenho a mínima ideia… mas o refrao desta música, o qual intitula o meu post, ocupa agora a minha cabeca, pois traduz um pouquinho dos meus sentimentos.

Depois de uma semana bastante tumultuada e cheia de altos e baixos, na sexta-feira ou seja hoje, eu estaria envolvida em mais uma atividade na escola das minhas filhas. Para hoje a minha funcao era completamente diferente da última que vivenciei há alguns dias atrás, na qual as criancas estudaram as leis de trânsito em real situacao de tráfego. Hoje a manha na escola era de educacao artística. O pátio da escola que foi reformado, incrementado com novos equipamentos  e deveria hoje receber um toque de cor e arte. Como eu nao estava inspirada a criar nada, me prontifiquei a cozinhar, melhor, ajudar na cozinha! Eu fiquei surpresa, para nao dizer pasma quando fui informada pela diretora que eu cozinharia para a escola completa! A diretora me instruiu a simplesmente levar a nota fiscal das compras para ela, mas quanto comprar? quanto cozinhar? Haveria utensílios e equipamentos suficientes? Ela me disse com um sorriso no rosto: temos sim um fogao a ser utilizado, mas com relacao as outras questoes, ela nao me informou sobre nada… me disse que também nao sabia. Eu pensei comigo mesma: “de novo… onde você foi amarrar o seu burro”?

No dia seguinte eu telefonei para uma das  representantes de pais, na esperanca de obter mais informacoes… eu só fui informada que ela cozinharia também, porém sopa de lentilhas, enquanto que eu havia  planejado cozinhar Spaghetti à bolonhesa, já que sei que este é um dos pratos preferidos das criancas. Ela me ajudou na decisao de nao cozinhar Spaghetti pela dificuldade que as criancas têm para enrolar o macarrao no garfo. Eu optei por outro tipo de macarrao. As perguntas em sua maioria, no entanto, estavam ainda em aberto: quanto comprar? quanto cozinhar? onde cozinhar?

Eu estava determinada que cozinharia à brasileira, ou seja, com alho  e tudo o mais. Cheia de inseguranca fui às comprar ontem e emprestei umas panelas enormes de duas grandes amigas para enfrentar a manha de hoje – uma incógnita!

Bem, agora sao quase cinco horas e estou feliz da vida porque o meu desafio culinário foi um sucesso! Recebi a ajuda de algumas criancas lindas para descascar e picar os tomates, assim como ralar o queijo. O tempero de alho e sal já levei pronto daqui de casa e a quantidade (?!) – cozinhei três porcoes extras de macarrao porque 99% das criancas queriam comer a minha comida e nao sopa de lentilhas. Na última vez que eu cozinhava macarrao as criancas esperavam na fila para repeitir a porcao e enquanto esperávamos brincamos de “passar anel”. Eu  tenho que escrever: foi uma  experiência linda! Também foi fantástico ver os olhinhos da Laura e da Vic brilhando de orgulho ao verem o sucesso do meu macarrao. Tenho que registrar ainda que a surpresa dos professores e das outras maes com a aceitacao absoluta do meu cardápio foi uma sensacao maravilhosa! Viva a “integracao”!

Beijos e lindo fim de semana!

Tags: , , ,

Leave a Reply

*